Comportamento Filosofia Reflexão
Não se esconda demais
13 de outubro de 2017
0

O médico pediatra inglês, Donald Woods Winicott disse certa vez que: “É uma alegria estar escondido mas é uma tragédia não ser encontrado.”
É muito comum nos reservarmos ao silêncio, como se pudéssemos nos esconder nos recônditos de nosso próprio corpo e mente, e ali permanecermos inalcançáveis aos problemas que insistem em nos afligir. Tudo bem, isso é até saudável vez ou outra e tem até nome, chamamos de introspeção; no entanto, quando isso se torna um hábito recorrente, é um forte indicativo de que algo em nosso sistema de “luta” não vai bem. É quase certo que o indivíduo que adere a essa tática e raramente “retorna” a vida com uma solução para um problema qualquer, está padecendo de uma carência que precisa ser melhor conhecida e trabalhada.

Por mais doloroso e difícil que se apresentem algumas batalhas, enfrenta-las sempre é a melhor saída. O resguardo, tanto mental como físico, este último no sentido do isolamento, só são benéficos se neles e deles o sujeito conseguir extrair algum proveito que o potencialize a solucionar o motivo de sua momentânea clausura. Caso contrário, se isso é algo persistente e sistemático, é preciso atenção pois a sua vida está pedindo ajuda, ainda que silenciosa e cabe a você, num ato de coragem e altivez, externar esse pedido a alguém de sua confiança e que claro, seja essa pessoa, alguém que possa lhe estender a mão e contribuir de maneira firme para a retomada de sua rotina.

A vida em toda a sua magnitude, é muito grande para tentarmos sustenta-la apenas dentro de nosso universo de ideias e sentimentos. Esse comportamento insistente tende a produzir certas afecções psíquicas e corpóreas, o que algumas correntes de tratamento e análise chamam de “somatizações”, que podemos entender de maneira simplória, como o acúmulo de situações negativas que interiorizamos e não solucionamos e que aos poucos reclamam em nós como doenças, transtornos ou distúrbios. A título de exemplo, somatização é aquele monte de lixo que se acumula na lixeira de casa e que se não esvaziado e depositado adequadamente em seu devido local de destino, traz insalubridades, atrai insetos indesejáveis, causa mau cheiro e etc.

Sendo assim, se esconda quando for preciso traçar uma boa estratégia em paz, mas permita-se ser encontrado se caso em meio ao recolhimento, percebas que a solidão não te oferece os resultados que procuras.

About author

Flavio da Luz

Itens Relacionados.

aca56a8ec2d620361013f888b72d5aeb

Atitudes falam mais que palavras

O médico pediatra inglês, Donald Woods Winicott ...

Leia mais.
b4d9d0446572c5dc7550e04ab3c70f2a

Escuridão que ilumina

O médico pediatra inglês, Donald Woods Winicott ...

Leia mais.
818c5f9f-7cb6-4e57-999c-36ccc8fc5147

É preciso cautela na hora de doar.

O médico pediatra inglês, Donald Woods Winicott ...

Leia mais.

There are 0 comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *